Sexta-Feira, 31 de Outubro de 2014
Clube de vantagens
Cadastre-se no Clube de Vantagens
Galeria Vila das Mercês
Colégio Mercedário Vila das Mercês
Colégio Pedroso
Colégio Pedroso
Villas Boas - Distribuidora de água mineral
Sodiê Doces
Mix Gigante
Abrace Orto
Facebook
Twitter
Notícias | Bairro
Voltar
14/05/2013
Mais uma favela é formada no Ipiranga, na região da Cursino
Por: Redação

Um terreno particular localizado no Parque Bristol, no distrito Cursino, foi invadido por cerca de 2000 famílias na última sexta-feira, 10. O local, próximo ao CEU Parque Bristol e ao Zoológico, já foi demarcado pelos invasores, que pretendem construir barracos em toda a área.

Alguns dos invasores, que não quiseram ser identificados, disseram ao Portal Logradouros que há pessoas de todo o Estado de São Paulo. “Tem gente que veio até de Santos. Eu vim de Heliópolis, mas tem famílias da Dom Macário (favela do Jardim da Saúde) e de outros lugares”, afirma uma mulher. “Eu vim da Mooca. Fazer o quê? Não tive outra opção”, diz outro invasor do terreno.

Moradores da região estão inconformados com a situação. Rosa Maria, que mora do Jardim Celeste, diz que está indignada. “Como é que pode invadir um terreno particular?Não é possível aceitar um fato desses sem que ninguém faça nada para impedir", lamenta.

Vitor Gabriel, outro morador da região Ipiranga, também está preocupado com a invasão e pede uma resposta do poder público. “Cadê a Prefeitura numa hora dessas?”, questiona.

Em resposta, a Subprefeitura Ipiranga informou à reportagem que o terreno em questão é de propriedade particular. “Cabe ao proprietário entrar com ordem de remoção/despejo junto ao Ministério Público”, afirma, em nota.

Ao lado do local da invasão, há um posto de gasolina desativado, onde alguns homens fazem segurança, segundo eles, a serviço do proprietário da área que foi invadida, mas eles não quiseram falar, tampouco dizer ao portal a quem pertence o terreno .

A manifestação contrária à invasão repercute até mesmo no Facebook, onde é possível visualizar muitos usuários da rede reclamando da situação.

“Absurdo!!! Invasão de terreno na Avenida do Cursino próximo ao Simba Safári! Liguei para tudo que foi lugar e ninguém deu a mínima... Prefeito Haddad por favor ajude!!!”, postou um internauta.

Outra usuária da rede fez um comentário nessa mesma postagem dizendo que nem consegue dormir à noite de preocupação. “E amanhã tenho que trabalhar... bem diferente desse pessoal, pelo jeito”, afirma.

Voltar